Entrevistas

Queime, até a exaustão [MRRM setembro de 2017] (Jackson)

“Queime, até a exaustão”

FullSizeRender-11

As pessoas dizem que a cidade de Hong Kong gosta de bater em jovens que vão atrás de seus sonhos e comentam. Novos e antigos exemplos são incontáveis. Como a realidade às vezes é deprimente, [nós] só podemos encontrar positividade a partir do mundo que nos compõe. Na história em quadrinhos “Tomorrow’s Joe”, o líder Joe Yabuki estava enfrentando sua batalha final de morte e, antes disso, seu bom amigo o aconselhou a não subir no ringue. Ele disse: “Eu não quero ser como aquelas pessoas entediadas e resmungonas e que, ao mesmo tempo, não queimam totalmente. Eu quero queimar até que me tornar nada e depois deixar para trás cinzas brancas como a neve… Não os restos daquilo que é queimado, mas sim cinzas brancas como a neve.” Escolher queimar completamente não é algo que acontece apenas no mundo dos quadrinhos, mas também uma escolha de muitas pessoas de Hong Kong, incluindo Wang Jia Er (Jackson). Por uma questão de correr atrás dos seus sonhos, ele decidiu deixar de lado a esgrima onde o sucesso já estava à vista. Começou do zero, dedicando-se ao canto e à carreira de entretenimento. O que é diferente é que ele não apenas se tornou cinzas brancas como a neve, mas também se tornou uma luz com futuro ilimitado. Até hoje, seu Instagram acumulou mais de 6,95 milhões de seguidores.

FullSizeRender-6

Ponto de ignição Tornando-se o campeão de esgrima da Ásia

Perguntamos frequentemente quando é o momento em que a vida de uma pessoa se ilumina. Mas para Wang Jia Er, embora ele tenha apenas 23 anos de idade, não é apenas [um momento] que sua vida brilhou. Nascido em uma família de atletas, sua mãe é um membro da equipe de ginástica da China, seu pai é membro da equipe de esgrima da China e depois disso ele se tornou o treinador da equipe de Hong Kong. Sob o cuidado de seus pais, Jackson começou a praticar ginástica quando tinha 5 anos e começou a praticar esgrima a partir dos 10 anos. Ele participou dos jogos nacionais quando tinha apenas 12 anos e ganhou a medalha de ouro. Continuamente melhorando, ele alcançou o título de campeão em 2011 no torneio Asia Youth Fencing e se tornou o Campeão de Esgrima da Juventude da Ásia. Este é o seu primeiro momento de luz. “Esgrima é a minha lembrança mais feliz. Sendo um atleta cultivando meu desejo de vencer, não importa o quão duro fosse o treinamento, eu continuaria e me faria melhorar. Eu acho que meus pais treinaram essa atitude em mim desde que eu era jovem. Porque eles eram atletas, isso me ajudou muito. Na verdade, não importa qual o trabalho, você precisaria de tal atitude. ”

Tornando-se o número 1 da Ásia aos 17 anos e subindo para o 11º lugar no ranking mundial. Na frente de Jackson estava na verdade o amplo caminho da esgrima, mas no mesmo ano, ele decidiu começar de novo, indo para o exterior para receber treinamento e começar em outro caminho, o de entretenimento. “Naquela época, entrei em uma universidade com bolsa de estudos e estava me preparando para as Olimpíadas de Londres. Meus pais também sentiam que seu próprio filho era um “mestre da caneta e espada”, então eles ficaram muito contentes. Mas depois disso decidi me tornar uma artista para fazer música. Foi uma decisão do “céu e terra”. Tudo começou do zero e, claro, meus pais também estavam preocupados. Mas seguindo o lema de que ‘você só vive a vida uma vez’, eu queria ser fiel a mim mesmo e perseguir meus sonhos. No final, não importa se tenho sucesso ou não. O mais importante é o processo e o fato de que uma vez trabalhei duro por isso ”.

FullSizeRender-8FullSizeRender-7

O risco flamejante é grande, mas (ele) ainda insiste em tentar.

“Ser fiel a si mesmo” pode parecer simples, mas quanta determinação e coragem foram necessárias para que Wang Jia Er desse o passo que não era visto como bom ou ruim. “Eu acho que os jovens não devem ser restringidos por condições diferentes e não tentar. Hoje em dia, as pessoas não se atrevem a fazer coisas que correm um grande risco, mas, como eu disse, você só vive sua vida uma vez. Portanto, não restrinja seus sonhos e, desde que você tenha tentado, não precisará se arrepender.” Nós dizemos o quão bom é ser jovem, é porque eles geralmente têm um coração ardente (apaixonado). Não importa se é Joe Yabuki ou Jackson, você só tem uma chance na vida, então queime o conteúdo do seu coração!

Esta é também a mensagem que a nova música hip-hop de Wang Jia Er, <Papillon>, quer transmitir. Independentemente de estar compondo a melodia, escrevendo as letras, produção de MV, figurino, penteado e até pessoas aparecendo no MV, tudo isso é verdade para o que ele quer. “Essa música é totalmente meu estilo pessoal, dentro de todas as coisas que foram decididas juntas pelo meu time e por mim. O nome da música é na verdade de um filme. Ele fala sobre um prisioneiro que entrou na prisão porque ele foi enquadrado e como suas várias tentativas de escapar da prisão não foram bem sucedidas. Mas ele tentou duramente e continuamente, e eventualmente, ele conseguiu o que queria e escapou da prisão. Essa história dele procurando por liberdade me inspirou a fazer essa nova música, é uma mensagem que eu quero expressar.” Ele sempre trabalha casualmente e, embora  tenha se tornado o produtor dessa nova música, fazer música para ele é sempre algo muito casual. “Eu nunca tive o pensamento de fazer música para ter um álbum. Eu sempre sempre quis fazer músicas, então eu naturalmente criei uma nova música. Seu refrão também foi algo que eu pensei enquanto dirigia. É muito casual. Eu nunca me sentarei especialmente para compor porque acho que não é natural. ”

FullSizeRender-10

Natural e casual são características que Jackson sempre teve lado a lado. Na verdade, parece algo que vem naturalmente, mas neste mundo atual que gosta de empacotar as coisas, parece mais difícil de obter e precioso. Também, por causa dessa característica honesta e pateta, ele se tornou popular em programas de variedades. “Na verdade, essa também é uma característica que eu gosto muito, mas não quero que o público só se lembre de mim como alguém cômico. Acho que agora é hora de deixar que os outros vejam outro lado meu. É claro que não vou culpar o público, porque antes disso eu me concentrei apenas nos programas de variedades. Mas depois disso, eu dedicava mais tempo à música e à atuação”. O modo irregular de resposta e realismo de Jackson fez com que a equipe de alguns programas apresentasse um plano B, “se Wang Jia Er não cooperar”. “Na verdade, muitas vezes é apenas a incompreensão da equipe que eu sou assim e, ao contrário, propositalmente cria algumas reações e diálogos para mim. Mas este não é o meu verdadeiro eu”.

FullSizeRender-12FullSizeRender-9

Para cinzas Faltando pequenas lojas de Hong Kong

Wang Jia Er deixou Hong Kong aos 17 anos e depois foi para o continente para o desenvolvimento. Ele não esteve em Hong Kong durante muitos anos. Mas, para cuidar de seus pais, esse filho fiel já os transferiu para o continente para ficar com eles. “Eu não quero reduzir o tempo que passo com eles por causa do trabalho. Eu só espero que eles possam viver felizes.” Ele, que relembra sobre o passado, também não se esqueceu de seu grupo de companheiros da equipe de esgrima e bons amigos. “Claro! Nós nos encontramos frequentemente. Eu procuro por eles quando volto a Hong Kong e também nos encontramos quando eles vêm para o local onde estou trabalhando.” Até mesmo o uniforme de sua equipe de esgrima também é algo de que ele sente falta. “Se eu trouxesse algo de Hong Kong comigo, seria definitivamente o meu uniforme de time de esgrima do passado. Eu até usei isso antes quando apareci na TV. Eu gosto muito disso.” Roupas podem ser trazidas, mas pequenas lojas não podem ser. Ele, que cresceu em Hong Kong, exclama que toda vez que ele volta para Hong Kong as lojas do passado que ele gosta já foram embora. “Quando eu era jovem, estudei na escola internacional perto da Kowloon Tong Waterloo Road. Eu realmente gostei de Patronizing, uma pequena loja que vendia macarrão frito e salsichas de queijo. Agora, quando penso nisso, também sinto falta, mas já passou. Essa é uma lembrança que eu sinto muita falta.”

Na história de “Tomorrow’s Joe”, Joe Yabuki finalmente derrotou seu oponente mais forte, Toru Rikiishi, no último estágio e alcançou o auge como boxeador. Mas quando ele voltou a sentar-se nas cordas laterais, ele passou sem saber. Embora sua posição sentada no último momento se tornasse uma cena clássica, era como uma montanha-russa descendo rapidamente do cume. Eu perguntei ao Jackson se ele poderia escolher, se ele iria querer se sentar em uma emocionante montanha-russa ou ir pacificamente e de forma estável. Mas se você leu essa entrevista, acredito que você já tenha adivinhado sua resposta. “Eu quero experimentar uma vida como sentar em uma montanha-russa. Há apenas uma vida. Seja feliz ou não, excitante ou não, você só tem essa chance, então por que não vivê-la do jeito que você gosta? Eu acho que a montanha-russa em que estou sentado agora está começando a subir e eu não sei o quão alto ela vai subir. Pode parar depois de subir um pouco ou talvez subir muito alto. Eu ainda não sei e só posso esperar que eu possa confiar em meio trabalho e meia sorte para realizar meus próprios sonhos.” Porque ele não tem medo de cair, ele é capaz de subir ainda mais. Não importa o quão alto a montanha-russa de Wang Jia Er suba, pelo menos ele definitivamente achará essa jornada emocionante e divertida.

 

 

 

 

Fonte: Ahgawings
Tradução: Dayoung

Revisão: Tamanduá
Não reproduzir sem os devidos créditos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s