Jinyoung do GOT7 fala sobre atuação em seu primeiro filme, Nun bal

Sempre é feita a mesma pergunta aos ídolos que se tornam atores: “Você prefere atuar ou se apresentar no palco?” Para Jinyoung do GOT7, a resposta é sempre “Ambos!”

O ídolo vai assumir seu primeiro papel em um filme na obra cinematográfica, A Stray Goat. Ele já provou seu status como ator em vários dramas como MBC’s When a Man Loves da MBC (2013), My Love Eun Dong da JTBC (2015) e The Legend of the Blue Sea da SBS (2016). Sua carreira de ator começou na KBS 2TV com Dream high 2 (2012), que foi antes de sua estréia como membro do GOT7.

got7-jinyoung-3

Durante uma entrevista com a Herald Pop, Jinyoung disse: “Eu era um trainee na JYP Entertainment e fiz a minha estréia como ator através de Dream high 2. Eu não tinha nenhuma experiência prévia como ator, e eu nunca imaginei que eu estaria aparecendo em um drama. Foi muito chocante. Foi quando eu comecei a pensar: Atuar é uma carreira apaixonante”.

Foi quando GOT7 teve um intervalo de um ano que Jinyoung começou a definir seu sonho de se tornar um ator em filmes. Ele disse: “Eu assisti a filmes sozinho, estudei atuação e tive aulas de teatro.” Ele acrescentou que seu próximo filme significa muito para ele, não apenas porque é o seu primeiro papel principal em um filme. Ele diz que tem muito em comum com seu personagem, Min Sik.

Jinyoung disse: “Basicamente, eu tinha que participar de uma vida social de quando eu era um trainee. Lembro-me de conhecer pessoas pela primeira vez e dar-lhes um sorriso estranho. Min Sik me lembra de mim mesmo quando eu comecei como um trainee na JYP Entertainment. Além disso, tive que me transferir de escola de Jinhae para Seul (assim como Min Sik teve que transferir de escola). Mesmo agora, vou falar em um dialeto quando estou com pressa.”

A Stray Goat é na verdade set da mesma província de onde Jinyoung é. Esta teria sido uma grande oportunidade para ele mostrar o dialeto da sua cidade natal. No entanto, porque Min Sik é um estudante que se transfere lá de Suwon, Jinyoung acabou sendo o único ator no set que não falava em um dialeto. Ele riu e disse: “Eu tive que me esforçar para não usar um dialeto. Era difícil ser a única pessoa que tinha que fazer isso. Era como quando me mudei para Seul.”

got7-jinyoung-21

Jinyoung teve de fazer malabarismo com o filme e fazer atividades promocionais do GOT7 ao mesmo tempo. Deve ter sido agitado tentando fazer os dois ao mesmo tempo. Mas ele tinha uma visão positiva sobre a sua situação, como ele disse: “É uma honra ser capaz de fazer as duas coisas ao mesmo tempo. Estou feliz por poder cantar e atuar. Eu estou muito agradecido.”

Ele concluiu: “Isso pode soar estranho, mas nada dura para sempre. Quero fazer o máximo que puder quando me der a oportunidade. Mais tarde, talvez eu não tenha a chance de fazer as coisas mesmo que eu queira fazê-las. Meu corpo pode não ser capaz de acompanhar (com meu entusiasmo). É como quando as pessoas dizem: “Você deve continuar a remar quando estiver na água.” Os membros do GOT7 dizem muito uns aos outros. Tentamos ser gratos por tudo, mesmo pelas pequenas coisas.”

got7-jinyoung

Fonte: Soompi
Tradução: Gy
Não reproduzir sem os devidos créditos!

[TRADUÇÃO] Allure Julho 2016, JB & Yugyeom | As Duas Faces

160620-allure-02_zpsy4vzjcku

Um grupo especializado em coreografias de artes marciais. Algo que sempre acompanha as introduções feitas pelo GOT7, cujo grupo faz 2 anos de debute. Isso é realmente tudo? No palco, mais do que rolar e pular o GOT7 canta, corre no ritmo e encaixa uma apresentação maravilhosa de atuação. Há duas pessoas no centro das apresentações do grupo: A equipe do líder JB (Jaebeom/Jaebum) junto com os membros da hyung line e a equipe do Maknae Yugyeom, que completou 20 anos. Eles querem mostrar as várias mudanças de temperatura que o GOT7 possui: Yugyeomie que não para de sorrir e que te cumprimenta toda vez que fizer contato visual com ele, e JB cujo os olhos são bonitos (frios), mas quando ele sorri, surpreende ao ponto de desarmar seu oponente. A diferença de como eles agem na frente da câmera, os dois fazem piadas do mesmo jeito quando a oportunidade surge e dançam juntos sem timidez. Já se passaram 5 anos desde que eram trainees juntos, essas duas pessoas que estavam juntas quando eles ganharam o primeiro troféu em um programa de TV, juntos assim como eles iniciam a primeira turnê mundial, que tipo de relacionamento existe entre eles? O encontro do líder e do maknae. Essa é a primeira vez que ambos estão fazendo um ensaio fotográfico juntos, não é estranho? Durante as filmagens, como piada nós gostamos de dizer “Nós dois temos o relacionamento mais estranho um com o outro”, mas não é totalmente assim. Todos no nosso grupo são próximos. Se sentir estranho um com o outro ou não ter um bom relacionamento, nós passamos por essa fase no passado.

P. “Passamos por essa fase no passado” significa?
YG: No passado, nós sete brigávamos uns com os outros. Não importa como visse, era certeza. (Que algo assim aconteceria).
JB: Antes de debutarmos como GOT7, durante nossos anos de trainee, havia uma linha clara entre os hyungs e os dongsaengs e isso se tornou um problema.

P. Maknae Yugyeom-ssi, parece que você concorda completamente?
YG: Jaebeom-hyung realmente mudou muito. As pessoas comumente possuem suas próprias experiências (de vida), a do hyung inclui o relacionamento com o pai dele, então há uma ordem e limite (para se relacionar). O hyung se esforçou bastante para nos adequar, passando o tempo (conosco) como amigos. Ele também tem aceitado bastante as brincadeiras.

P. Parece que você é grato ao hyung por ele ter se empenhado em mudar a si mesmo.
YG: Sim. Obrigado, hyung.
JB: Agora ele é grato, me trata de forma descuidada.

P. Se eu tivesse de perguntar o que vocês tiveram fazendo ultimamente, não poderíamos esquecer de falar dos concertos. Parabéns por iniciarem a turnê mundial. Como se sentem?
YG: Feliz. De verdade.
JB: inicialmente era uma turnê em torno da China, Japão, Tailândia e etc, mas, adicionamos shows nos Estados Unidos, então a turnê se tornou longa. Por causa do meu machucado nas costas, eu tive de descansar e descansei, eu tornei grato por (existir) meras performances e palcos, comecei a sentir um pouco de falta. Não fazer isso (se apresentar) e não ser capaz de fazer isso são coisas bem diferentes.

P. Você ficou nervoso?
JB: Subir no palco não me deixa nervoso. Em contrapartida, fico nervoso quando temos que falar durante os shows.

P. Acontece por causa da barreira linguística? Mas o GOT7 é composto de membros com várias nacionalidades.
JB: Sim. Jackson (China), Mark (EUA) e Bambam (Tailândia) são, porém, com sinceridade quando vamos ao Japão não há nenhum membro fluente em japonês. Além disso, há momentos que eu tenho que falar de qualquer jeito. Eu gostaria de falar de forma séria, mas, me preocupo se não deveria soar engraçado.

P. A turnê mundial começou em maio. Nos concertos coreanos, por conta de seu machucado, JB não foi capaz de participar e estar junto ao palco. Em Tokyo você conseguiu estar no palco, presumo que deve ter ficado emocionado.
YG: Por causa do machucado do hyung, ele não foi capaz de dançar 100%. Contudo, nós 7 nos ajustamos ao ritmo e nos tornamos capazes de subirmos ao palco juntos, o trouxe muito mais sentimentos à tona. Gosto do fato de termos sido capazes de ficarmos juntos.

P. Ainda assim, houve algum arrependimento, não é?
JB: Não importa como você veja isso, foi um choque para mim. Foi o nosso primeiro concerto, poucos dias antes dele eu me machuquei durante os ensaios. Não foi grave como era a preocupação das pessoas. Por isso não foi o fim e acho que isso foi uma oportunidade de cuidar do meu corpo. Ah. O momento em que me senti mais estranho foi quando os membros cantaram uma música que eu fiz, Everyday, com o refrão cantada por todos. Eu estava sentado nos bastidores na sala de espera, ouvindo a música. A minha parte veio também, todos os membros estavam no palco e eu ficando nos bastidores, foi esquisito. Mais do que triste ou depressivo, foi realmente estranho.

P. Yugyeom-ssi, você não está chorando nesse momento, não é?
YG: Não! Não! Não estou chorando.
JB: Se não subimos todos no palco, deve haver pessoas que não se animarão, então eu participei em ambos os dois dias de acordo com a agenda. Mesmo sem mim, a apresentação do GOT7 é divertida, então falei a todos para aproveitarem a apresentar por si mesmos.

P. Seja em shows ou na TV, as apresentações que vocês mostram são extremamente limitadas. O que vocês querem mostrar no concerto?
JB: Apesar da apresentação ainda ser uma performance, seria ótimo se as pessoas vissem como nós temos nos desenvolvido musicalmente. Um show que a pessoas vão tendo uma demonstração do GOT7, “Podemos assistir?”, podemos aproveitar. Sou alguém que dá conselhos para mim a cada opinião musical, se há algo tipo “Ah… Isso é bem expressivo dessa maneira. É ótimo.” Eu ficaria muito feliz.
YG: Primeiramente, nós deveríamos continuar mostrando o que constantemente desenvolvemos. Eu gostaria que cada um dos membros se tornassem notáveis em diferentes áreas e ficássemos juntos, nós subiríamos um degrau de cada vez como um grupo. Embora já tenhamos alguns membros em programas de variedades, se as pessoas quiserem descobrir mais sobre as qualidades de cada integrante, eu me sentiria ótimo.

P. Já são dois anos e meio desde o debut. Vocês descobriram partes de vocês mesmo que não conheciam desde o debut ou de apresentações anteriores que vocês não sabiam sobre? Em relação aos seus interesses, pode ser que tenha mudado algum em alguma coisa.
JB: Eu costumava gostar somente de dançar. Com o passar do tempo, fui ganhando interesse em cantar e em frequentar aulas de canto. Eu quis fazer minhas próprias música e cantá-las pessoalmente, contudo, ultimamente, tirando coreografia e apresentação, eu tenho vivido por enquanto esquecendo da dança que eu usava para diversão. É o sentimento de estar desconsiderando algo que eu costumava gostar desde que era pequeno e tinha aulas (de dança), sendo b-boy ou qualquer coisa que eu goste, quero mais uma vez transformar isso em parte da minha rotina.

P. Gostaria de saber se você teria medo de usar o seu corpo depois de se machucar, mas não parece isso nesse caso. É um alívio.
JB: Apesar de pensar que eu deveria ser mais cuidadoso, eu não estou com medo de me machucar. As coisas que costumava fazer eram com a equipe dos hyungs quando era b-boying, é por isso que adoro dançar. – Estou tentando lembrar deles um pouco mais.

P. Assim como JB, Yugyeom é um dos membros que dançam muito bem.
YG: Eu era de uma casa de hip-hop. Eu me apresentava com um grupo de dança e o modo como dançávamos era também similar ao de Jaebeom-hyung. Sinceramente, era só comer e dançar. Quando eu era trainee não pude sentir a diversão e somente depois do debut eu criei interesse em cantar. Ao passo que você vai melhorando, vai ficando mais divertido. Minha vantagem é ser suave mesmo homens me encaram.

P. Vocês já fizeram 5 mini-álbuns e 2 álbuns completos, toda vez que vocês vão promover uma música, há estilos diferentes e uma temperatura diferente um pouco nela. Qual a música que mais combina com vocês?
JB: Músicas de menor escala como If You Do e Stop Stop It são mais simples, porém, quando estamos promovendo, as músicas que recebem boas críticas são aquelas mais alegres, a resposta à Just Right também foi boa.
YG: Para mim também são as músicas mais cômodas, igualmente a resposta do Hyung. Porém, a música que os fãs parecem gostar de forma especial é da nossa última promoção, Home Run, uma música que o Hyung escreveu pessoalmente, é alegre e no palco há vários momentos onde sorríamos. Quando faço algo mais suave, eu me esforçopara parecer mais legal, mas parece que os fãs preferem que eu sorria e seja animado.

P. Como vocês tem certeza que a resposta dos fãs é boa? Recentemente há muitos canais dos fãs para comprovar a opinião deles, não é?
YG: V app! V app é muito fascinante. Para alguns vídeos há legendas em inglês que saem na hora, como é possível?
JB: Wha! Como pode isso acontecer? Pode ser algo traduzido?

P. Desse jeito vocês podem obter uma avaliação dos fãs imediatamente – além disso, como vocês se sentem?
YG: Para os fãs não importa o que façamos, eles nos olham de forma agradável e estão sempre preparados para nos deixar felizes, mas há apresentações e performances que são lamentáveis (poderiam ser melhores). Quando é algo importante, às vezes, vejo os comentários dos fãs como “Que tal colocar sua franja para cima?” E quando vejo isso, mesmo não sendo imediatamente, penso “Devo fazer isso alguma vez?”
JB: No passado eu costumava ler muitos comentários, mas há também os que incluem seus próprios gostos pessoais, por isso, (agora) eu não dou mais tanta atenção a eles como no passado. Se eu canto uma música e 90% dos comentários dizem que foi ruim, então eu reflito, escutarei o que fiz de errado e o consertarei. Porém, se os comentários são diversificados, acho que minha própria análise é mais importante. Ah, apenas uma coisa! Eu dou muita atenção ao meu tom (de falar), não sei o motivo por ter crescido assim, meu tom é muito frio. Estou me esforçando para corrigir isso.

P. Eu não acho que seu tom seja completamente frio, palavras frias podem surgir quando você está expressando coisas boas. Há o “quente” e o “frio”, não é? Desses dois, se você pudesse escolher, que tipo de homem você acha que é?
JB: Não acho que eu seja qualquer um deles. Provavelmente no meio?

P. Yugyeom, o que você acha?
YG: Mesmo assim, Jaebeom-hyung é legal. Até na sua aparência ele é assim, mesmo no palco, há algo que somente o hyung emite, é muito legal.
JB: Também falarei algo! Do meu ponto de vista, Yugyeom está indo do “quente” ao “agradável”. Agora que ele tem 20 anos, ele vai experimentar coisas que não poderia nos seus 10. Por isso, Yugyeom também está se tornando um homem bonito pouco a pouco, até mesmo o seu rosto está se tornando mais fino.

P. Vocês passam muito tempo da vida de vocês juntos. Juntamente com o grupo, aparentemente há funções como líder, maknae, vocal e dançarino: entre vocês parece haver outros papéis.
YG: Eu sou encarregado de “bem, eu acho que isso poderia acontecer”. Hyung, você sabe o que eu quis dizer, não ė?

P. Haha. “Bem, eu acho que isso poderia ocorrer.” O que seria? Esse é o estilo de discurso do Yugyeom?
JB: Há momentos em que a opinião dos membros está dividida. Por exemplo, quando estamos decidindo a ordem de ensaio, se a vez colide com a de outra pessoa, eu irei sugerir que nós decidamos através de pedra, papel e tesoura, ao lado Yugyeom irá completar e dizer “Bem, eu acho que isso poderia acontecer.”, deixando a situação ambígua. Quando os outros membros escutam, eles irão dizer “Sim, Yugyeomie, poderia ser desse jeito também.” E irão aceitar isso.
YG: Me ponho no lugar do Hyung e não sou mais assim.
JB: Na verdade Yugyeomie está/é se tornando nosso cantor dançarino. Chama-lo de “cantor dançarino” é uma expressão um pouco cafona, mas Yugyeomie gosta realmente de dançar. Mesmo ele encarregado da dança, ele também é muito bom cantando.

P. Você está dizendo que ele é bom em tudo?
YG: Obrigado, hyung! Ainda assim, mesmo o hyung tendo começado com a dança, ele é bom em tudo.

P. A atmosfera do grupo é sempre calorosa assim?
JB: Não falamos coisas ruins uns dos outros.
YG: Ao meu ver, o hyung é responsável pelo espírito de equipe. Ele gosta de fazer músicas e quando as escuto, há vários pontos positivos.

P. Musicalmente parece que vocês dois possuem vários pontos em comum. Ambos começaram na dança também.
YG: Hum… Ainda assim somos diferentes.
JB: Nós dois gostamos de R&B, mas eu também gosto de ritmos que não dá para dançar, já o Yugyeom prefere uma batida que ele possa dançar da mesma forma.

P. Ambos ficaram surpresos com alguma coisa que vocês nunca imaginaram fazer antes, mas, agora precisam fazer como parte das promoções sendo idol?
JB: Eu pensei que debutando seria um idol, apenas cantar e dançar seria suficiente. Porém, há um lado onde você tem de cantar e dançar para ser feito de forma profissional, há inclusive muitas coisas que você tem de controlar completamente. Embora dançando a mesma dança, se nossas condições não estivessem boas, estaria tudo bem se descansássemos. Agora, porém, seja nossas agendas ou nossos corpos, nós temos que nos cuidar mais. Eu meio que esperei por isso, mas aumentou!
YG: Eu não sabia que tínhamos que nos preparar previamente para uma apresentação ao vivo, não só os cantores, mas os staffs também, até mesmo nas estações de transmissão. Apenas para um show, temos que nos esforçar bastante, é fascinante.

P. Qual o horário foi o mais cedo que vocês tiveram que gravar?
YG: 4 da manhã.
JB: Se isso acontece, nós abdicamos do nosso sono para aquela noite.

P. Temos conversado muito apenas sobre trabalho. Por último, o que você faz em seu tempo livre?

JB: Eu trabalho (nas músicas).

P. Essa é uma resposta muito tediosa! Então eu perguntarei: No seu tempo livre, o que você costuma fazer?

JB: Mas é a verdade. Há pouco tempo fomos ao Canadá e logo em seguida tivemos que ir para o Japão, assim que chegamos na Coreia, eu fui direto para o estúdio de gravação, me encontrei com os hyungs do grupo de dança e dancei também. Ah… na sala de ensaio nós ouvimos músicas e brincamos.

P. O hyung é sempre rápido em ir sozinho para o ambiente de trabalho. Como um dongsaeng, você não se sente incomodado?

YG: Absolutamente não. Eu sei como me cuidar e me divertir corretamente. Eu ensaio, eu trabalho (nas músicas) também e me encontro com meus amigos para beber, já que agora eu posso (consumir bebidas alcoólicas).

P. Bebidas! Qual membro do GOT7 é o melhor em segurar sua bebida?

JB: Eu não sei. Primeiro, eu não gosto de ficar com dor de cabeça no dia seguinte, então eu só bebo quando estou de bom humor. Haverá um dia em que me embebedarei.

YG: Observando isso, nós nunca tivemos uma pausa onde disséssemos “Vamos todos hoje”. Sinceramente eu gostaria de saber: quem bebe melhor?

Clique nas imagens para uma melhor visualização.

KR – ENG: haetbitmark
ENG – PT: L.S

Não reproduzir sem os devidos créditos.

JELLY – Edição de Janeiro

Cx7zE0wWgAATlLq.jpg

Mark e JB

cx7z1xuwqauhmjv

⭐️ Qual é o mais recente episódio engraçado que vocês tiveram juntos?

Mark: Graças a jackson todo mundo está sempre rindo.

JB: Nós aparecemos recentemente no TV Hangul Lesson na NHK, teve um momento engraçado em uma das gravações que vai ao ar por volta do Natal, você realmente precisa assistir isso.

Mark: Os detalhes do que aconteceu é um segredo, então por favor assista o programa. (risadas)

Continuar lendo

JUNON Edição de Janeiro – Nossa “Primeira” Memória

15095457_969083539862206_2213451019486498055_n

Nossa “primeira” memória.

    7 garotos, que passaram seus dias de trainee e sonharam com o momento que poderiam debutar juntos, os 7 garotos que compartilharam as doces e também as amargas experiências lado a lado. E aqui estão eles, recordando as histórias desses encontros nostálgicos no passado. De alguma forma ver os meninos naqueles dias longínquos, agora todos cresceram, você pode sentir o quão tocante isso é.

Continuar lendo

Cancam edição de Janeiro 2017 – Apreciando o Natal com o GOT7

PERFIL:

JB

Um legal e confiável irmão mais velho.

Data de nascimento: 06/01/1994

Tipo sanguíneo A. Coreano.

Análise de sua personalidade pelos outros membros: “Chique e sexy, mas também é atencioso com todos os outros.” (Mark)

Mark

Realmente muito viril. Um anjo sorridente.

Data de nascimento: 04/09/1993

Tipo sanguíneo A. Americano.

Análise de sua personalidade pelos outros membros: “Ele é calmo, inteligente e puro!” (Jinyoung)

Continuar lendo

PopTeen – Edição de dezembro com GOT7

Encontro gourmet com GOT7 seu namorado que come bem

14925805_951930981577462_9066628159273571072_n

JB

Q1. A última refeição que você quer comer em sua vida?

  • Eu não desejo nada em particular. Contanto que não seja uma comida que eu não goste, eu estou bem com qualquer coisa que tiver.

Q2. Nos diga três acompanhamentos que você quer ter em seu bentô. (Lancheira)

  • sunny-side-up (ovo, carne e arroz de caril), sopa e Kimchi.

Q3. Que comida japonesa você gosta?

  • Tonkotsu ramen. Eu especificamente gosto muito do Tonkotsu ramen do ICHIRAN.

Q4. Que comida você quer cozinhar para seus membros?

  • (Resposta instantânea) Nada!! Eu definitivamente não quero cozinhar nada para eles! (Risadas)

Q5. Se você comparar o amor à comida, o que seria? ou Que tipo de comida você quer que sua namorada cozinhe para você.

  • Se você compara amor a comida, seria sorvete de baunilha. Porque ambos são doces. Eu estou bem se minha namorada não cozinhar nada para mim. Na verdade eu quero cozinhar para ela em vez disso.

Continuar lendo

[ENTREVISTA] Bambam e Jackson para edição 177 da HIGH CUT

P: Antes de aparecer em Real Men, vocês encontraram com Sam Hammington e escutaram histórias sobre como é estar no exército e o que não é permitido lá. Agora que vocês passaram pessoalmente por isso, como foi?

JS: Sinceramente, eu não sabia que seria tão difícil assim. Aprendi muito através do Real Men e eu percebi como os soldados coreanos são incríveis. Os soldados estão sempre enfrentando situações difíceis para proteger o país e é mais difícil do que as coisas que nós fazemos. Sempre estou torcendo por vocês e eu amo vocês.

P: Houve alguma ocasião na qual vocês sentiram que a vida no alojamento dos soldados e a vida com os membros do GOT7 eram parecidas?

BB: Nossa vida não é como a vida no exército, na qual nós éramos controlados. Somente entre os membros nós nos damos bem despreocupadamente, então o ambiente é completamente diferente! Por que todos nós rimos e conversamos e é uma atmosfera alegre.

JS: É um mundo de diferenças. No exército todo o seu tempo é completamente fixo, então se você se atrasa por apenas um minuto vira um grande problema. No dormitório do GOT7 não é assim. Mesmo que os membros estejam um pouco atrasados, nós podemos nos descuidar com o horário. Eu aprendi que o tempo é realmente precioso no exército e estou trabalhando em passar mais tempo com os membros de maneira alegre e divertida.

P: Os gêmeos que se alistaram com vocês, Lee Sangho e Lee Sangmin, vocês são capazes de falar a diferença entre eles rapidamente agora?

BB: Agora eu consigo diferenciar pelo jeito de repartir o cabelo, mas quando nós estávamos no exército, todo mundo estava com cabelo curto então era difícil de apontar o que era diferente.

JS: Eu ainda não tenho certeza, mas naquele momento independente de quem era, eu chamava todo mundo de hyung.

P: Qual foi a penalidade mais difícil no exército?

BB: Receber a punição na qual nós tínhamos que carregar munição para o tanque foi a mais difícil.

JS: Ao invés das punições, para mim foi esperar pela hora de comer. Foi realmente difícil. Eu sou uma pessoa que fica com fome facilmente depois de ter comido uma vez, então foi muito difícil. E no exército nós tínhamos que nos barbear com espuma de sabonete, então eu achei que minha pele fosse ficar ruim, assim eu me preocupei muito. Entretanto, como nós dormíamos cedo, nos exercitávamos muito e comíamos bem, minha pele melhorou e meu corpo ficou mais saudável.

P: No exército vocês receberam muitas perguntas como “Quando vocês olham para elas na vida real, quem é a mais bonito dentre os grupos femininos?” Na verdade ter Suzy, TWICE, etc. como integrantes de grupos femininos da JYP ajuda?

BB: Foi uma ajuda imensa. Entretanto, eu não sabia que eles pegariam os nossos celulares no exército. Eu não tinha os números escritos em um bloco de notas, então eu não pude lembrar o número. Portanto, não pude ligar para Suzy noona e nenhuma outra integrante de algum grupo feminino.

JS: O número das integrantes dos grupos femininos foi minha maior arma. Notei que os meus companheiros soldados gostavam da Suzy e do TWICE, eu senti pela primeira vez o quão incrível é o poder dos grupos femininos da JYP.

P: Quem seria um membro da família JYP que se sairia muito bem na versão feminina de Real Men?

BB: Park Jimin! Por alguma razão eu sinto que ela se adaptaria bem sendo um soldado. Também, como ela canta bem, ela seria capaz de cantar as músicas militares bem e ela seria popular no exército.

JS: Suzy e Yubin noona. Especialmente a Yubin noona, ela realmente tem o carisma de uma guerreira, então eu sinto que ela seria capaz de suportar o treinamento de CBR (treinamento para armas químicas, biológicas e radioativas) perfeitamente também.

P: Durante o treinamento de CBR, eu fiquei realmente chocada com o quão indiferente o BamBam estava. Qual foi o seu segredo? Ao sair da sala de treinamento de CBR, você até fez sinal de “positivo” com a mão, mostrando o seu lado calmo.

BB: Eu coloquei a minha mascara de gás adequadamente, então fui capaz de sair com tranquilidade. Mas sinceramente, meus olhos estavam ardendo um pouco.

P: Quando vocês foram dispensados do campo de treinamento o instrutor disse que gostaria de ver você se tornar mais masculino e você respondeu “Minha voz ainda não ficou grave e ainda não tenho pelos nas axilas.” Quando você começar a ter pelos nas axilas, para quem você vai falar primeiro?

BB: Eu vou postar nas redes sociais e me gabar.

P: Durante o horário de refeições no exército, Jackson, você continuou perguntando se você poderia sair à noite. O que você queria ver do lado de fora dos alojamentos? Por que você queria tanto sair?

JS: Eu só estava curioso sobre o que estava na área entorno do alojamento. Eu não conhecia nenhum lugar além da área de treinamento e dos alojamentos, então eu estava curioso se tinham outros lugares. Eu queria saber mais sobre a vida no exército.

P: Jackson falou “eu sou um criminoso” como se fosse um hábito. Tiveram muitas situações nas quais você teve que dizer “me desculpe” que isso se tornou um hábito?

JS: Eu sempre cometo erros mesmo sem saber. No começo eu falava coreano mal e isso prejudicava os hyungs. Foi isso o que aconteceu e se tornou um hábito. Mas para mim, eu articulei “desculpe” de forma correta, mas todo mundo escuta “eu sou um criminoso”.

* Quando falado rápido “desculpe” pode soar como “eu sou um criminoso” e foi o que o Jackson falou sempre que ele era chamado a atenção durante Real Men.

P: BamBam está se destacando como um forte dançarino de músicas de grupos femininos. Até mesmo durante o Real Men, você movimentou o alojamento com isso. Em shows especiais como shows de final do ano, existe algum grupo feminino com o qual você gostaria de se apresentar no palco?

BB: A primeira música de grupo feminino que eu dancei foi Something do Girl’s Day. Depois disso, eu recebi muitos elogios das pessoas dizendo que eu danço bem as coreografias de grupos femininos. Portanto, se a oportunidade surgir, eu gostaria de ter uma apresentação com as sundae-nims do Girl’s Days.

P: Em um pouco mais de um mês, as Olimpíadas no Rio no Brasil vão começar. Se Jackson tivesse continuado como um atleta, você possivelmente iria aparecer nas Olimpíadas também. Muitos dos seus amigos atletas vão aparecer. Como você se sentirá ao assistir as Olimpíadas?

JS: Eu estou realmente esperando as Olimpíadas no Rio. Muito dos meus amigos vão estar lá e eu estou realmente torcendo por eles. Estou apoiando tanto o time da China quanto o time da Coreia. Quando eu estava no time de esgrima, os atletas com os quais eu era mais próximo eram desses dois países. Fighting!

P: Como vocês estão fazendo a sua turnê mundial, parece que vocês vão ter tempo de encontrar as suas famílias.

BB: Durante nosso show em Bangkok, eu não dormi no hotel e estava praticamente em casa. Antes de eu sair para meus compromissos eu pude comer comida preparada pela minha mãe também e isso foi ótimo. Ser capaz de me preparar para o show enquanto eu falava muito com minha mãe na sala de espera também é um aspecto incomum se comparado com outros compromissos.

P: Vocês debutaram em janeiro de 2014 e realizaram seu primeiro show nacional e agora estão fazendo sua turnê mundial. Durantes esses dois anos e meio muitas coisas aconteceram, mas parece que há mais coisas que vocês querem fazer para progredir.

JS: Se você nos der a oportunidade, nós queremos tudo. Entretanto, através dessa turnê, nós percebemos uma coisa: Realmente prestamos atenção nas nossas apresentações e performances, mas antes disso, o mais importante é o tipo de música que nossos membros querem fazer e cantar são as que nós sinceramente queremos cantar. Nós queremos fazer essas! Temos esse tipo de pensamento então, por favor, nos liguem frequentemente para nos convidar para elencos e para nos dar oportunidades.

Veja o photoshoot clicando nas imagens abaixo:

Tradução ENG-PT/BR:  Ketlin @ Elo GOT7

Revisão: L.S

Boy Band Coreana GOT7 Fala Sobre Quebrar Records, Shows Com Ingressos Esgotados e Dabbing

GOT7-perform-china-2016-billboard-1548

Legenda da foto: GOT7 se apresenta em Shanghai dia 8 de Maio de 2016.

Bastões luminosos verdes sendo sacudidos com a batida, fãs aplaudindo cada movimento dos homens no palco – A sequência de shows do GOT7, há muito tempo esperada em Nova York, valeu a pena para as IGOT7s da Costa Leste.

Durante o segundo e último show da turnê FLY em Nova York – uma porção da grande turnê mundial FLY deste ano – o grupo de K-pop se apresentou para uma arena cheia. Durante toda a noite, o GOT7 libertou sua juventude no Playstation Theater, onde eles se apresentaram por quase três horas e encantaram a multidão com músicas realmente ótimas, raps poderosos, músicas lentas, intervalos com espírito cômico e muito rebolado.

Produzido por JYP Entertainment, uma das maiores gravadoras da Coreia, GOT7 teve seu debut em 2014 com seu álbum, que atingiu o topo das paradas musicais, intitulado Got It? Desde então, o grupo de K-pop cresceu para ser um dos grupos novatos mais populares da indústria, através de músicas viciantes que misturam vários gêneros, performances acrobáticas e personalidades encantadoras. Com três membros não-Coreanos – a família do membro mais velho, Mark, vive na Califórnia, Jackson que é de Hong Kong e BamBam da Tailândia – GOT7 é um dos grupos mais diversos conquistando um lugar próprio no K-pop em 2016. A turnê FLY viu esse time popular esgotar ingressos de shows pelo mundo, incluindo o show de Terça-Feira em Nova York.

Depois de terminar sua última apresentação em Nova York com sua musica R&B “Before the Full Moon Rises”, GOT7 encontrou com Billboard nos bastidores e tivemos tempo de conversar um pouco. Durante o show os membros exibiram sua camaradagem, falando uns com os outros dando respostas exuberantes, tanto em Inglês como em Coreano. Enquanto eles descansam um pouco antes de ir se encontrar com fãs num evento VIP especial, os sete homens divertidamente responderam perguntas sobre a turnê deles, a viajem para Nova York, os seus sonhos e como é ser um dos grupos multinacionais mais proeminentes da Coreia.

Sejam bem-vindos a Nova York! Como é estar “Fly”- ing (voando) por todo o Estados Unidos depois que vocês se tornaram o grupo Coreano mais bem colocado na lista Billboard top 100?

Yugyeom: É como um sonho.

Jackson: Sim, é como um sonho. E a coisa mais importante é que é sempre bom ver os fãs de todas as partes do mundo.

BamBam: É um honra. Nós nunca viemos muito para a América, então é muito divertido e [nós] estamos realmente felizes de estar aqui.

Vocês tiveram que adicionar um segundo show no trecho de Nova York da sua turnê, então como vocês estão se sentindo agora? Eu quero dizer, Nova York! Dois shows! O que está se passando pelas suas cabeças?

 Jackson: É uma cidade bonita com pessoas bonitas. Mas, além disso, os fãs são o motivo pelo qual estamos aqui.

BamBam: É nossa primeira vez e tem tanta coisa para fazer em Nova York que é realmente uma honra nos apresentar. Eu não sei, tem realmente tanta coisa pra fazer. É muito divertido [aqui].

Então, o que vocês acharam do seu show de hoje à noite?

BamBam: O show? Foi muito divertido.

Junior: [Através de um tradutor] Foi muito divertido e realmente maravilhoso. Na verdade, originalmente seria só um show, então desde que nós adicionamos um segundo show, nós não estávamos esperando muito [da plateia]. Mas foi além das nossas expectativas.

JB: [Através de um tradutor] Nós fomos genuinamente capazes de sentir que os fãs amam nossa música e são realmente entusiasmados ao assistir nossa performance. Isso fez com que nos sentíssemos realmente bem.

O que vocês tem feito enquanto vocês estão aqui em Nova York? Vocês estão aqui há dois dias, certo?

BamBam: Três. Nós fomos há muitos lugares. Times Square, SoHo. E nós comemos muita lagosta e muito Lobster Roll (um tipo de sanduíche recheado com carne de lagosta).

Junior: Hoje à tarde [às] 14h eu fui assistir Blue Man [o grupo].

Yugyeom: Eu só andei.

BamBam: Eu espero que tenhamos mais tempo.

Jackson: E nós fomos ao mercado. *risos* Um que fica aberto 24 horas. C… C… C…

CVS?

 Jackson: Isso! CVS.

BamBam: Isso é tão aleatório.

Jackson: CVS, pessoal!

Yugyeom: [E] halal, pessoal… Tão delicioso!

*Halal: comida muçulmana.

O que vocês compraram no CVS?

BamBam: Shampoo.

Jackson: Muscle Milk (marca do produto). Proteína.

BamBam: Root Beer. (Tipo de cerveja preta sem álcool e descafeinada)

Jackson: E umas pastas de dente e desodorante. Spice, Old Spice mesmo! (Old Spice é uma marca de desodorante.) E passar você mesmo os produtos no caixa – beep, beep, beep, beep. *risos enquanto Jackson imitava o leitor de código de barras*

BamBam: O que está acontecendo? *risos*

É ótimo que vocês puderam apreciar a cidade. Mas mudando um pouco de assunto, vocês tem introduzido um som mais maduro em algumas das suas músicas novas tem elementos experimentais de hip-hop e influências de trap (gênero musical). Esse estilo soa bem diferente dos seus conceitos anteriores. O que vocês acham que se encaixa melhor ao GOT7?

 JB: [Através de um tradutor] Nós experimentamos muitos gêneros diferentes e eles todos meio que se encaixam. Não tem um gênero específico que combine com a gente. Nós realmente queremos mostrar aos nossos fãs os tipos diferentes de música que nós podemos fazer. Nós fazemos todos os tipos de coisa.

Yugyeom: Toda música é OK.

BamBam: Nós podemos fazer conceitos fofos, música sombria, tudo.

Durante o show vocês repetidamente destacaram quais os membros que trabalharam em músicas individuais do Flight Log: Departure. Como foi ter um papel maior na criação das suas músicas?

Yugyeom: Tão inovador, e dá uma sensação tão boa.

BamBam: A sensação é melhor quando você canta seus próprios raps, e não os raps de outra pessoa.

Jackson: Você tem a chance de fazer sua própria música.

JB: [Através de um tradutor] É quase como uma experiência educacional para a gente. É uma experiência de aprendizado, porque quando nós fazemos nossa própria música e passamos pelo processo de gravação, nós aprendemos o que nós precisamos melhorar e o que nós precisamos fazer da próxima vez.

Vocês estão claramente crescendo como artistas e o K-pop é cheio de colaborações. Quais artistas, coreanos ou não, vocês gostariam de fazer uma colaboração no futuro?

Yugyeom: Chris Brown.

JB: Drake ou Bryson Tiler.

Jackson: Tem que ser um artista? Kevin Hart. Eu sou um grande fã do Kevin Hart. E Conan.

BamBam: Mas o Conan já trabalhou com nosso chefe JYP [Park Jin Young].

Jackson: Sim, mas se for possível nós queríamos ele no nosso vídeo clip.

BamBam: Eu acho que o meu seria Taylor Swift. Eu sou um grande fã da Taylor Swift. Eu costumava comprar os CDs dela às vezes. Wiz Khalifa é bem legal também.

Yugyeom: Oh, Kendrick Lamar.

JB: D’Angelo.

Junior: Justin Timberlake.

Jackson: … Vocês sabem que isso é impossível, certo? É só nosso sonho.

BamBam: Eu sei, isso nunca vai acontecer.

Nós ouvimos todo mundo menos o Mark e Youngjae.

 Youngjae: Bruno Mars.

BamBam: E Mark? Você gosta do Drake e do Tyga, não?

Mark: Todo mundo.

O GOT7 tem três membros não coreanos e uma fanbase multicultural, a qual nós claramente vimos no início da noite. De certo modo, vocês se tornaram representantes da crescente diversidade do K-pop. Como vocês se sentem sobre isso?

 BamBam: Nós Somos?

Junior: [Através de um tradutor] O fato do GOT7 está sendo chamado de um representando da crescente diversidade é uma grande honra.

Yugyeom: [Nós estamos] realmente tão felizes.

Jackson: Nós temos Tailândia [BamBam], América [Mark], Coreia [Youngjae, Yugyeom, Junior, JB] e China [Jackson], então é como se fossemos uma família.

BamBam: Eu acho que nós podemos nos comunicar com fãs de outros países melhor. Nós não temos que usar um tradutor o tempo todo.

Yugyeom: [Porque as] IGOT7s são uma só.

JB: [Através de um tradutor] Porque nós temos raízes em muitas culturas diferentes e membros que falam línguas diferentes nós provavelmente somos capazes de nos comunicar muito melhor [do que outros] e espalhar nossa música ainda mais.

Qual é o legado que vocês gostariam que o GOT7 tivesse mais tarde nas suas carreiras?

 BamBam: Bons exemplos para outras pessoas.

Junior: Como nós estávamos falando sobre fazer colaborações com outros antes, nós queremos ser o grupo com o qual outros digam, “Eu quero fazer uma colaboração com o GOT7”.

BamBam: Então nós teremos que ser o Drake.

Jackson: Não, não, não, não, não.

BamBam: Não é uma coisa ruim. Só ser como o Justin Bieber ou Drake.

Jackson: Você pode garantir que vai escrever que o BamBam acabou de falar isso? *risos*

JB: Já que você falou sobre a diversidade nos nossos lançamentos e no nosso grupo, nós esperamos ser um grupo que possa ser um representante da Coreia.

Um grupo internacional que pode representar a Coreia pelo mundo todo?

 Membros do GOT7 [todos juntos]: Sim, aham, você está certo.

Fãs no Twitter queriam saber: O que está acontecendo com o dabbing? Quando que o GOT7 vai parar com o dabbing?

 BamBam: Eu acho que você deveria  perguntar isso só pra mim. *risos* Eu comecei isso e eu nunca vou parar. Quando tiver algo melhor do que isso [eu vou parar]. Nós começamos com o Dougie e aí fomos para o whip [e nae nae], mas quando o dab surgiu, eu achei que era o melhor passo. É tão simples. Você pode fazer isso a qualquer momento e é tão engraçado. Eu sei [que a moda] meio que já passou, mas nós ainda estamos presos nela.

Junior: Na próxima vez, BamBam vai criar o passo especial.

Vocês ainda estão no meio da sua turnê Fly nos Estados Unidos. Tem algo mais que vocês gostariam de dizer para os seus fãs americanos?

 Yugyeom: Eu amo vocês. De Yugyeom.

Jackson: Obrigado por vir ao nosso show e obrigado por mostrar seu amor e apoio ao GOT7 o tempo todo, mesmo eles [os fãs] estando realmente ocupados com as próprias vidas. Nós prometemos que nós voltaremos rápido. Fiquem sempre saudáveis.

Junior: [Através de um tradutor] Como nós não viemos aos Estados Unidos com muita frequência, nós estamos agradecidos que todas as vezes que nós viemos aqui, nós fomos recebidos com muito amor e apoio. Por favor, continuem nos apoiando e escutando a nossa música até nós voltarmos.

JB: [Através de um tradutor] Mesmo que nós sejamos de bem longe nós estamos muito agradecidos que os fãs têm dado tanto apoio e nos mostrado muito amor e interesse. Nós queremos ser aptos a pagar por todo esse amor com músicas ainda melhores e álbuns melhores.

Fonte: Billboard

Tradução: Ketlin @ Elo GOT7

Revisão: L.M.S

Artigo e Entrevista da NetEase com o Jackson

13339629_1590505814613590_9014453641312353160_n

Depois da gravação, nós conseguimos “pegar” esse popular WJE (Wang Jia-Er) para uma entrevista, essa também é a primeira vez que ele aparece como uma parte fixa do elenco de um programa na China. Como um membro Chinês do atraente e popular grupo masculino GOT7, WJE brilha tanto na música como em programas de variedades. Em ambos os shows de iguarias Go Fridge e Fresh Sunday ele se tornou um assunto popular entre os internautas. Os internautas não só descobriram o lado peculiar de HJ (He Jiong), mas WJE também deixa um impacto.

Depois de um dia de trabalho árduo (gravando para o programa e também a coletiva de imprensa), WJE conseguiu espremer um pouco de tempo para a entrevista, mesmo quando ele tem que gravar as partes remanescentes por quase duas horas depois da entrevista. Nós estávamos preocupados se o artista estaria cansado de mais, mas a equipe disse “Jia Jia é cheio de energia e ele coopera muito bem”. E realmente, quando ele apareceu e colocou o seu microfone, nossas preocupações foram todas desnecessárias. Ele percebeu que os repórteres esperaram por bastante tempo e se curvou pedindo desculpas.  E cumprimentou todo mundo em voz alta e clara “Eu sou Wang Jia-Er Jackson, vocês podem me chamar de Jia Jia também. E aí? Como foi o dia de vocês?”. Exatamente como ele escreveu na sua inscrição no Weibo, ele cumprimentou os internautas em línguas diferentes e também alegrou os estudantes que estavam sentados para os exames deles.

Mesmo que o nome do programa tenha Male God (Deus Masculino) nele, ele humildemente negou que seja um Deus masculino e diz que ele é só ele mesmo.

12871489_1590505764613595_4769065905119425636_n

WJE que nasceu em Hong Kong é fluente em Chinês, Coreano, Inglês e muitas outras línguas. O pai dele, Wang Rui Ji, costumava ser um famoso esgrimista na China e costumava ser o treinador principal do time de Hong Kong. E sua mãe, Zhou Ping, foi uma ginasta famosa na China. Ele costumava ser um esgrimista também e ganhou uma medalha de ouro na AFC Campeonato Juvenil.

Mesmo que ele tenha um bom histórico, no reality show Taste of Others, ele mostrou como a sua vida é, por exemplo, como ele administra seus cartões de crédito e também sua conta de telefone.  Na coletiva de imprensa o “amante de dinheiro” (em um jeito brincalhão) criticou Wang Kai por não comprar sorvete pra ele, com os seus olhos irresistíveis. Wang Kai disse “Eu vou pagar, sempre haverá sorvete suficiente no futuro!”.  Até o diretor Xie aprovou que WK e WJE são a “Wang em Dobro” dupla. WJE tem amigos por toda a China e a Coreia, quando perguntado qual o seu segredo para fazer tantos amigos ele disse que não existem segredos, só tem que ser sincero. E por causa dessa sinceridade e do seu talento com shows de variedade, ele começou sua carreira na China depois de ser escolhido a dedo por HJ e se tornou um assunto popular depois de Go Fridge.

13428472_1590505741280264_2515462706024559188_n

Na coletiva de imprensa WJE se criticou dizendo que ele tem pernas curtas e compartilhou com todos que ele está usando palmilhas. Como um membro que é responsável por Artes Marciais no GOT7, ele também nos mostrou um mortal fazendo a audiência aplaudir. Embora a coletiva de imprensa não fosse mais longa do que 30 minutos ele nos mostrou seu senso de variedades muito bem.

Fora do local do evento onde a coletiva de imprensa aconteceu, muitos fãs mandaram seu apoio para WJE. Quando alguém estava tirando fotos das flores, WJE que passou por lá, até se abaixou para que ele não bloqueasse as câmeras. Debutado por dois anos, GOT7 finalmente ganhou o primeiro lugar no principal show de música na Coreia. Para alguém que tirou a sua coroa como um medalhista e trabalhou duro na Coreia sozinho, isso significa muito. Toda vez que eles ganharam o primeiro lugar eles acabaram chorando. Depois de aparecer em tantos programas à razão por ele chorar é ou os seus pais ou os seus fãs. Ele nos assegurou que “seus pais e seus fãs são as pessoas mais importantes na sua vida”. Por causa dos seus compromissos ele está sempre Flying (voando) e seus irmãos do GOT7 demonstram o apoio deles como de costume. Embora o GOT7 tenha começado sua turnê mundial, WJE também tem uma música composta por ele mesmo We Only Live Once, mas ele acha que esse é só o começo.

13342952_1590505731280265_2108595812976118422_n

P: Qual é o requisito para ser um Male God (Deus masculino) para você?
JS: Meus requisitos? Como eu olho para outros caras? Eu realmente não sei. Eu sou eu, eu não sou nenhum tipo de Male God.

*Male Gods Let’s Fight (Deuses Masculinos Vamos Lutar) é o nome do programa que o Jackson vai participar.

P: Você tem algum ídolo que você se espelhava quando você era uma criança?
JS:
Você quer dizer meu ídolo? Eu tenho um ídolo de quando eu era criança, ele é um cantor, mas eu não sei se você o conhece, Omarion. Desculpa. *risos*

P: Nesse programa existem muitos desafios de QI e também físicos. Qual deles vocês acha que você se sai melhor?
JS: Se eu disser físico isso também quer dizer que eu não tenho QI? Não é porque eu não tenho um cérebro. É porque o irmão Wang Kai e todos os outros irmãos podem analisar as coisas melhores, eles têm um raciocínio maduro e…
Agente: … É lógico
JS: Ah espera, quem está falando comigo? Quem está falando comigo? Ah, ok. O raciocínio deles é mais maduro. Então eu vou deixar a parte que precisa de raciocínio para os irmãos. E eu sou o mais novo, qualquer coisa que precisar de força ou do físico eu vou fazer.

P: Você participou de muitos programas de variedades, por exemplo, Real Men, Law of the Jungle e etc. Você acha que pode aplicar o que você aprendeu nesse programa?
JS:
Eu acho que a minha maior vantagem é que eu costumava ser esgrimista, meu físico ainda é muito bom, minhas coxas são mais fortes.

P: Baseado na última gravação, você acha que você é o que tem o melhor físico entre o elenco?
JS: Eu realmente acho que não. Eu acho que nós cinco temos um bom poder físico. Nós podemos correr, nós podemos suportar dor, nós temos o poder e também QI.

P: Como você costumava ser um atleta, isso te dá um espírito de equipe melhor e também resistência?
JS: Sim. Assim como eu disse, porque eu era um atleta isso me ajuda muito.

13406866_1590505791280259_106383771597001259_n

P: Você é um dos quatro grandes apresentadores do BiliBili’s (um site de compartilhamento de vídeo), então o que você acha que é mais desafiador, ser um apresentador ou ser parte fixa de um programa assim?
JS: Você poderia repetir o que você acabou de perguntar? Espera, tem alguém falando comigo. É um homem, quem é ele? Você sabe quem é ele? Onde ele está? Umm, ok. Qual é o próximo? Você está me perguntando qual é mais desafiador, ser um apresentador ou um programa como esse? Eu acho que eles são desafiadores em jeitos diferentes para ser sincero. Eu não sou realmente um apresentador, eu sou eu mesmo, não há nada como “eu preciso ser um apresentador ou um convidado”. Eu não quero fazer parecer que eu preciso tentar arduamente ser como alguém, eu só quero ser eu mesmo. Eu só quero ser honesto com a plateia. Me sinto melhor desse jeito.

P: No Go Fridge ou Roommate parece que você fez muitos bons amigos, tem alguma dica sobre como você faz amigos?
JS: Não tem nenhuma dica, as pessoas me perguntam “Wang Jia Er quais segredos ou jeitos você tem que te permite fazer tantos amigos?”. Honestamente, eu não tenho, se você tratar alguém com sinceridade eles vão ser sinceros com você também. É o que eu acho.

P: Como você viaja muito para a China hoje em dia, você tem algum amigo importante na China?
JS: Eu sempre acho que o irmão He é o mais precioso, um amigo que me conhece bem desde o começo.

P: Qual a maior ajuda que ele já te deu
JS: Por exemplo, ele me mostra qual a diferença entre os programas de variedade Coreanos e os programas de variedades Chineses, ou quando ele está gerenciando algo em um programa, eu vou assistir ao lado e ele vai e me ensina. Às vezes quando eu não consigo terminar uma frase, ele não me ensina, mas ele faz para mim e me mostra como fazer. Ele realmente me ajuda muito.

P: Em 2014, você ganhou o prêmio SBS Nova Estrela em Programa de Variedades, o que você acha que te dá uma pressão maior?
JS: Eu não sei se é certo eu falar isso desse jeito, mas eu vou ser muito honesto sobre isso. Vai ter câmeras por todos os lados em um programa, a maior pressão é fazer uma boa performance . Sempre tentar ser engraçado, eu acho que isso realmente dá muita pressão. Então para mim, em minha opinião, eu acho que relaxar e ser natural faz com que o efeito seja melhor.

P: Você sempre parece estar entusiasmado e feliz, mas todo mundo tem seus momentos tristes, como você lida com a sua tristeza?
JS: Eu vou falar, por exemplo, com o irmão He ou meus amigos ou eu penso muito e analiso sozinho.

P: A razão por você chorar em programas ou em apresentações é sempre a sua família ou os seus fãs, eles são as pessoas mais importantes para você?
JS: Claro. Meus pais são as pessoas mais importantes na minha vida. Além dos meus pais as pessoas que me amam, que gostam de mim, que me dão apoio são realmente preciosas para mim também.

P: O que seus pais pensam sobre as suas performances em todos esses programas?
JS: Minha mãe acha que eu sou muito bom, mas ela também se preocupa se eu estou cansado de mais ou se eu vou ficar doente por causa do meu trabalho, ela está preocupada com a minha saúde. Mas eles me apoiam muito.

P: Você está gravando programas, tem viajado de um lado para o outro, da Coreia para a China, com muita frequência, como os membros dos GOT7 demonstram o apoio deles?
JS: Às vezes quando saio para meus compromissos, eles estão dormindo, então uma vez que eles acordam e eu aterrisso, eu recebo mensagens da minha família GOT7, meus membros, como “Jackson, dê o seu melhor”. Ou “Jia Jia eu sei que é cansativo para você, volte o mais rápido possível e nós vamos sair para comer alguma comida gostosa”. Simples frases assim são carinhosas o suficiente para derreter meu coração.

P: GOT7 ganhou o primeiro lugar no canal principal esse ano, você acha que vocês alcançaram os seus sonhos?
JS: Não, eu acho que é um começo.  Por que nós só ganhamos este ano, somente fomos capazes de mostrar o tipo de estilo que o GOT7 tem até agora, nos próximos álbuns temos que mostrar ao público que tipo de cores o GOT7 tem, vamos continuar seguindo até todo mudo conhecer a música do GOT7.

Fonte: NetEase
Tradução ko-eng @ Jflawless7116
Tradução eng-pt/BR Elo GOT7 @ Ketlin

Revisão: JFlawless

Não reproduzir sem os devidos créditos!

[ENTREVISTA] Mark e Junior para a Céci de Junho

Céci: O conceito de hoje é “garoto do verão”. Vocês gostam do verão?
MK: Quando eu morava na América tinha um oceano perto da minha casa. Eu lembro que sempre que nós tínhamos uma chance eu ia para a praia com meus amigos e passava o tempo. Eu jogava/brincava o dia todo e no outro dia eu ficava muito bronzeado.

JY: Oceano é um oceano, mas o oceano de L.A. e o oceano de Jinhae, onde eu morava, parecem ter um sentimento bem diferente. *risos*. Eu saía muito para pescar a noite com meu avô. Eu não tinha muita habilidade então eu lembro que só pegava baiacu.

Céci: Mesmo sendo um set de filmagens, como é sentir a praia no verão antes do tempo?

MK: Se fosse realmente a praia, teria sido muito legal, mas a sessão de fotos foi muito divertida também. Eu não costumo vestir shorts. Eu sou inseguro sobre meu corpo magro, mas hoje eu vesti vários shorts. (Então foi uma nova experiência.) Você pode dizer que sim. Eu achei que deveria ter autoconfiança, então eu tentei não pensar sobre isso.

Céci: Eu vi que vocês estavam brincando entre as gravações. Não foi desconfortável fazer a sessão de fotos hoje só de vocês dois?

JY: Não é desconfortável por que quando nós fazemos sessões de fotos com os sete membros, nós também fazemos muitas sessões de fotos com dois ou três membros. Mas hoje é a primeira vez que faço uma sessão de fotos com o Mark hyung, só nós dois. (Se você pudesse dar uma nota para o nível de química entre vocês dois?) Até 10 pontos?
MK: 10 pontos! *risos*
JY: Então eu vou dar 9,8.

Céci: E os 0,2 pontos?

JY: Por que (nós) somos homens. Então eu vou tirar 0,2 pontos.

Céci: Quando vocês estavam fazendo as suas sessões de fotos individuais, vocês monitoraram um ao outro. Quais são suas opiniões ao verem a sessão de foto um do outro.

JY: O rosto do Mark hyung é realmente pequeno. Então quando nós fazemos uma sessão de fotos na qual eu fico perto dele, você pode ver a diferença.
MK: JinYoung é muito bonito. Mas JinYoung sempre diz que ele não é. Quando eu o vejo, ele é bonito.
JY: Eu só digo a verdade. *risos*

Céci: Alguns dias atrás vocês terminaram o seu primeiro show solo na Coreia. Eu ouvi que vocês disseram que vocês sentiram como se tivessem realizado um sonho.

JY: Fazer um show solo na Coreia era a primeira meta do GOT7. Depois que terminamos o show foi quando realmente sentimos que nós demos o primeiro passo em uma escada bem alta. Ao mesmo tempo em que nós nos sentimos satisfeitos e com um sentimento de realização, a pressão e a responsabilidade também nos veio profundamente. Nós ainda temos muitos degraus para subir. Então iremos cumpri-los um por um.

Céci: Eu ouvi que tem músicas que foram só para o show.

JY: Mark hyung e eu fizemos uma unit no show. (Vocês dois são uma unit.) Essa sessão de fotos estava marcada antes disso, mas eu acho que os fãs podem pensar desse jeito. Mesmo sendo uma apresentação que apenas duas pessoas estão fazendo, nós prestamos muita atenção na a música da nossa unit. O título é “Higher”. Quando eu te vejo meus sentimentos se tornam “Higher” (maior). É uma música que tem esse tipo de letra.

Céci: Teve uma razão para que dentre os membros vocês fizessem uma unit juntos?

MK: Eu pedi para o JinYoung primeiro. Eu sempre pensei muito sobre fazer uma unit com JinYoung. Tinham outros grupos que mostraram diferentes gêneros, como hip-hop e música lenta. Mas nós fizemos uma apresentação com um sentimento mais alegre. Já tem um ano desde que nós temos dito “nós dois nos encaixamos em uma imagem mais alegre”. Então sentimos que estamos buscando o que nós estávamos planejando por um longo tempo. Nós preparamos isso com muita diversão e nós aproveitamos no palco também.

Céci: Foi um tema em destaque que vocês se vestiram como grupos de meninas.

JY: Mesmo que tenha sido vergonhoso, nós fizemos isso só para os fãs. Mas quando nós subimos no palco houve tipo, um vazio estranho? Eu estava muito feliz que eles gostaram, mas por outro lado eu estava pensando “O que eu estou fazendo agora?” *risos* Mas agora é uma boa memoria, então eu não acho que irei esquecer.

Céci: Deveríamos falar sobre o Álbum recente? Se vocês compararem com o seu primeiro álbum Girls, Girls, Girls ele mudou muito.

Até agora, foi o nosso processo de achar a própria cor do GOT7. Então se você escutar a todos os nossos álbuns, você pode achar que é aleatório. Porque nós temos tantos tipos de cores diferentes para o GOT7. Foi o nosso processo para achar o que se encaixava mais conosco. Então aquele também é um momento precioso. Já que nós tivemos aquele período de tempo é assim que temos o GOT7 que existe agora. Para esse álbum, nós não somente fizemos sugestões para as músicas, mas também para os vídeos das músicas, as roupas e todo o conceito.

Céci: Agora tem dois anos que o GOT7 teve seu debut. Se tivesse um garoto GOT7, que tipo de imagem ele teria?

MK: Adolescente. Ele teria um sentimento adolescente. Adolescente despreocupado.
JY: Isso mesmo. Não é que nós vamos teimosamente ficar com um estilo ou viver presos, mas eu acho que ele seria um garoto que tentaria livremente diferentes tipos de música.

Céci: Alguma coisa que vocês gostariam de revelar um sobre o outro?

MK: Quando nós temos que sair, mesmo quando eu digo “JinYoung, vamos!” Ele ainda está na cama dele. Eu tenho que o chamar duas ou três vezes. *risos* Têm vezes que eu o chamo, mas aí acabo saindo sozinho.
JY: Seu eu puder me explicar, eu preciso de algum tempo livre antes de ficar ocupado. Eu poderia dizer que é a arte da lentidão? *risos* As pessoas acham que o Mark hyung é muito legal e gentil, mas quando nós jogamos algum jogo ele não é assim. Quando ele joga jogos de armas, ele grita como um louco. Grita tipo “Ahhhhhh, hey, hey, hey.”.

Céci: Sério?

MK: Quando eu jogo vídeo game meu coração palpita então eu acho que eu grito sem saber.
JY: Mark hyung tem uma grande disparidade de emoções. Eu achei que ele fosse o Hulk quando ele estava jogando vídeo game.
MK: Eu não faço isso frequentemente, só às vezes.

Céci: Isso é inesperado. Vocês podem falar mais sobre vocês? Jinyoung é famoso por gostar de livros, certo?

JY: Diferentemente de amigos da minha idade, eu não tenho muito tempo para sair com outras pessoas, então, indiretamente eu tenho a experiência de viver a vida de outras pessoas lendo livros. Recentemente eu terminei de ler “Ensaios de Amor” do Alain Botton. Se você só olhar a história é uma história comum, mas a parte na qual ele escreve as emoções das pessoas com tantos detalhes foi muito interessante.

Céci: Pelos fãs o Mark é conhecido por ser misterioso. Isso ainda está acontecendo?

MK: Eu não faço de propósito. Eu só não gosto quando as pessoas concluem que “ele é esse tipo de pessoa” de uma única perspectiva quando eu digo alguma coisa. É por isso que eu sou cauteloso. Eu acho que é por isso que as pessoas acham que eu tenho uma personalidade quieta. Agora eu quero mudar essa imagem.

Céci: Seu você quiser ser próximo ao Mark, qual é um bom assunto para falar? Jogos?

MK: Ah! Eu não jogo com tanta frequência! *risos* Ultimamente o assunto do momento é a cachorrinha Coco. Ela estava em outro lugar por um tempo e agora ela está de volta. Eu amo brincar com a Coco quando eu estou no dormitório.
JY: A Coco ainda não gosta de mim.

Céci: Essa é a última pergunta. O verão vai começar logo, tem alguma coisa que vocês realmente gostariam de fazer nesse verão?

MK: Férias, eu quero andar nas ruas da Europa. Eu nunca estive na Europa antes. E tem outra coisa, eu quero saltar de paraquedas. Mesmo que não seja nesse verão, é uma coisa que eu realmente quero fazer.
JY: Eu quero ir à praia. A praia perto da minha cidade natal ou qualquer lugar que eu nunca estive seria legal também. Eu quero sentir a liberdade que você sente quando você fica em pé de frente para o mar enquanto você sente o cheiro refrescante do oceano.

Tradução eng-pt/BR:  Ketlin @ Elo GOT7

Revisão: JFlawless